O DIGITALbuilt, a iniciativa colaborativa do Cluster de Arquitetura, Engenharia e Construção (AEC), do Cluster da Plataforma Ferroviária Portuguesa (PFP), da ACPMR – Associação Cluster Portugal Mineral Resources, do Centro de Interface Itecons, do StoneCITI, do BUILT COLAB, da FI GROUP e da FNWAY, foi reconhecido como Digital Innovation Hub.

Este reconhecimento significa que se irá disponibilizar, numa lógica “one-stop-shop” para as PME e para a Administração Pública, serviços no âmbito da digitalização, com o objetivo de apoiar a transformação digital do tecido empresarial do setor da construção.

O DIGITALbuilt reune três setores cruciais na economia portuguesa na temática do Ambiente Construído: Arquitetura, Engenharia e Construção, Recursos Minerais e Ferrovia. Os três juntaram-se para desenvolver esta iniciativa com uma forte aplicação Sectorial, que apostará nas competências da Inteligência Artificial, Simulação, Sistemas Ciberfísicos (IoT), Soluções Digitais ou de Interoperabilidade para o Setor Público, Materiais Avançados, Cibersegurança, Ciência de Dados, Big Data, Blockchain, Cloud Computing e Soluções de Conectividade. Muitas destas competências, serão assim disponibilizadas ao mercado numa abordagem única e altamente aplicada (e, portanto, muito eficiente) à problemática específica da temática do Ambiente Construído.

Esta iniciativa surge no âmbito do Plano de Ação para a Transição Digital, publicado na Resolução do Conselho de Ministros (RCM) n.o 30/2020, de 21 de abril, foi aprovada a medida n.o 8, Digital Innovation Hubs para o Empreendedorismo, incluída no Pilar II — Transformação digital do tecido empresarial, a qual visa a dinamização de uma Rede Nacional de Digital Innovation Hubs a desenvolver em ligação com os Clusters de Competitividade e Centros de Interface Tecnológico reconhecidos, rede essa que estará interligada com a Rede Europeia de Digital Innovation Hubs a dinamizar pela Comissão Europeia no âmbito dos programas-quadro europeus para 2021 -2027.